Casa Nova e Reformada...

por 23:54 2 comentários








Buenas!! Essa é a nova formatação do Mamãe Inventa! A casa é nova, os móveis estão meio trocados, mas a porta continua aberta e a felicidade continua no ar... ;)

Em meados de 2013 uma pequena crise de super exposição aconteceu por aqui e a pessoa sem noção deletou todas as imagens infelizmente muitas postagens do antigo site com imagens não poderão ser recuperadas... Decidimos, então, mudar o blog de endereço e dar a ele uma cara mais adequada ao novo enfoque que já vinha adquirindo desde que deixou de ser "Descobrindo Heitor" para transmutar-se em "Mamãe Inventa" (afinal, a vida e a maternidade se transformaram junto com ele).

Agora, para além de só falar das algúrias e percalços da vida de mãe, vou mostrar como emendo as pontas soltas, como improviso e rebolo por aqui para que tudo fique em pé. Não necessariamente à noventa graus do chão, mas certamente firme. Mães que inventam são como a Torre de Pisa, desafiando a gravidade...

Por outro lado, algumas postagens do Mamãe Inventa são (ainda) muito úteis e ajudam muitas mamães, de modo que haverão algumas "reedições" eventuais.

Não somente sobre a maternidade, as dicas que postaremos aqui falam de casa, de vida, de existir com cor e criatividade. De superar os limites do óbvio e ser mais do que o básico, o ensaiado ou o ordinário. Inventar é ir além. É apoderar-se dos objetos, das regras e dos conceitos preexistentes no mundo e transformá-los com liberdade para o seu conforto, para o seu crescimento. É ser dono do seu próprio universo e usá-lo a seu favor para ser maior, melhor e mais colorido. E, de preferência, mais acolchoado também...

Parece uma introdução exagerada, panfletária e pretensiosa..? Não é. Inventar liberta e equilibra. Inventar é tapar lacunas, inventar é transcender. A porta está aberta!

Seja bem vindo.

*Foto da capa de: Sherri Osborn Retirado de: http://familycrafts.about.com/

Mamãe Inventa

Autora

Sou Helena, mãe de Heitor e Benício, duas criaturinhas mágicas no curso de seu quinto e segundo ano de vida, respectivamente, que fizeram de mim mais humana do que nunca, forte para matar mil feras e amável para cuidar de mil feridos. Sou mãe pelas vinte e quatro horas do meu dia. Desejo, incansavelmente, a paz mundial. Com gargalhadas.

2 comentários:

  1. Sim, essa é você! Super mãe, amiga sine qua non, linda e lôka! :)
    Estou ansiosa pra tomar uma café nessa casa nova! Certamente teremos encontros deliciosos, coloridos e providenciais!
    Beijo grande, já entrei e puxei minha cadeira! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Raquel, puxe a cadeira e tome um chá, que por sinal já está à caminho....! ;)

      Excluir